​Projeto de ginástica do São Sebastião oferece mais qualidade de vida para idosos

Publicado por em 2 de julho de 2017

Ginastica_multifuncional2

Há pouco mais de 10 anos um pequeno grupo de ginástica foi criado dentro do Posto de Saúde da Família (PSF), no São Sebastião, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos idosos que frequentavam o local. Apesar das dificuldades encontradas durante esse tempo, o trabalho seguiu e hoje são 60 alunos atendidos pelo projeto. Desde o início de 2017, graças ao apoio da prefeitura, a turma conta com um professor e um estagiário de educação física, e nesta segunda-feira (26.06), começaram as avaliações individuais de um nutricionista. Essa ajuda garante mais segurança nos exercícios oferecidos e a certeza de alcançar o objetivo desejado.

Já está comprovada a importância da atividade física para os idosos. No entanto, o mais importante é que haja prazer na realização dessa atividade. Por isso, existe uma grande variedade dos exercícios oferecidos dentro desse projeto: são alongamentos, abdominais, aulas de ritmo e atividades de pilates. O grupo é dividido em duas turmas: de 7h30 às 8h30 e de 8h30 até 9h30, sempre às terças e quintas-feiras.O superintendente de Esportes de Petrópolis, Hingo Hammes, destaca a presença de profissionais qualificados para as aulas.

“A presença de um profissional de educação física e de um estagiário garantem a prática segura das atividades oferecidas, já que eles podem corrigir o movimento e a postura de cada idoso. As aulas são bastante variadas, trazendo mais prazer para os praticantes, já que não se torna uma rotina. Os alunos são muito empenhados e são um exemplo até para os mais jovens”, disse Hingo.

O professor responsável pelas aulas, Marcelo Corrêa, destaca os benefícios para os idosos da atividade física. Doenças como osteoporose e diabetes, e problemas de ansiedade e depressão podem ser combatidas. “Com a prática de exercícios, os sintomas de doenças são evitados e os benefícios à saúde são sentidos diariamente. As doenças cardíacas, por exemplo,podem ser evitadas com o simples hábito de se exercitar diariamente. O estresse, o sedentarismo e a má alimentação, outros problemas que são mais comuns na terceira idade, também podem ser combatidos com 30 minutos diários de atividade”, afirma.

Nesta segunda (26.06), um nutricionista do quadro da prefeitura iniciou a avaliação individual de cada aluno. No grupo existem pessoas com diabetes, hipertensão arterial, osteoporose e osteoartrite. Por isso, a avaliação de cada um foi realizada. “O idoso deve possuir uma dieta equilibrada em carboidratos, proteínas e gorduras. A aceitação de vitaminas e minerais são essenciais por adequar diversas funções no organismo, atuando como antioxidante e prevenindo o envelhecimento e aparecimento de doenças. É imprescindível também, que a refeição apresente aspectos agradáveis, como cor, sabor, aroma e textura, e que o prazer seja prioridade no momento da refeição, atendendo as preferências individuais”, destaca o nutricionista Thiago Gasparini.

A agente de saúde Patrícia Ramos participa do projeto há oito anos. Ela é uma das pessoas que ajuda organizar o grupo, além de programar as festas de aniversário e as comemorações. Quando a turma ficou sem professor, ela era uma das que ajudava na atividade. “Muitos idosos sofrem com a depressão e vi de perto como podemos ajudar a melhorar a saúde deles. Por isso eu ajudo de todas as formas que posso. Organizo alguns aniversários, passeios, tudo para manter o grupo muito ativo”, disse.

Na festa de final de ano em 2016, Márcia Magdalena, de 58 anos, emocionou o grupo ao relembrar dias difíceis quando sofria com a solidão, após a perda do marido. As novas amizades dentro da turma de ginástica transformaram a vida dela. “São minha nova família. Mais do que a saúde do corpo, ganhei um estímulo para continuar vivendo”, comentou.

Segundo Hingo Hammes, o próximo passo é aumentar o número de pessoas dentro das aulas. “Melhoramos a qualidade do trabalho realizado com o objetivo de mais pessoas participarem. Os moradores podem buscar mais informações diretamente no Posto de Saúde da Família do São Sebastiao, que fica na Rua São Sebastião, 625”, disse.



Comentários Fechados