Inverno 2017: Calçados

Publicado por em 15 de maio de 2017

flats

 

Glitter

Pelo visto, o brilho caiu de vez no gosto das brasileiras. Prova é que, para a estação de frio, o glitter aparece para dar um up em botinhas, tênis e sapatilhas.

Para a temporada, segue a máxima: o conforto vem sempre antes. Não é à toa que os tênis viraram queridinhos por aqui com status fashion – em looks que passam bem longe de ter cara de academia. O modelo branco segue, mas também há espaço para envernizados, holográficos e modelos com salto anabela. Depois de reinar com tons como o dourado e o prateado em sandálias e oxfords nos dias de calor, a tendência dos metalizados surge de cara nova para o inverno. — São tons mais baixos do que apareceram no verão, como a prata velha e o ouro velho.

Algumas marcas trabalham também com o azul e o vinho metalizado — explica a consultora de moda Meline Moumdjian. O modelo pode até ser controverso, mas é fato que o sapato fechado na frente e completamente aberto atrás ganhou espaço nas coleções. Seja com pegada divertida – como as versões estampadas ou metalizadas – ou mais clássica, em verniz ou p&b, o calçado não deve deixar as ruas tão cedo.

Com o branco entre os protagonistas da paleta da estação, a cor é a preferida para modelos moderninhos como coturnos e ankle boots. A chelsea boot, aquela bota com elásticos laterais, também é uma das apostas da vez.

Veludo

Ele ensaia o retorno desde o verão, mas deve ser nos dias de frio que o veludo vai virar hit. Pense em abotinados, sapatilhas, mules, sandálias: o tecido com toque macio deixa ainda mais glamurosos os modelos de inverno. Vale ficar de olho também nos detalhes em nós, que dão um efeito mais chique ao modelo. Como uma segunda pele, esta bota fica coladinha no tornozelo. — É ideal para usar por dentro do jeans, por exemplo, em modelos como a ankle ou a mídi — ensina Meline Moumdjian. — A second skinny ganha versões em veludo, lycra, moletom, camurça e até napa com stretch.  Pensou que as flatforms sairiam de cena logo? Que nada! Ainda que tenha dominado as vitrines (e as ruas!) no último ano, o solado estilo anabela se mantém com as versões tratoradas e também em madeira.



Comentários Fechados