Facebook faturou US$ 2,9 bilhões no ano passado, o dobro de 2013

Publicado por em 29 de janeiro de 2015

zuckerberg

A rede social Facebook obteve durante o ano de 2014 um lucro líquido de US$ 2,9 bilhões, quase o dobro do que conseguiu no ano anterior, informou nesta quarta-feira a própria empresa californiana.

A receita total da empresa no ano passado subiu para US$ 12,4 bilhões, o que representa um aumento de 58,4% com relação ao ano anterior. Com relação aos lucros por ação, os títulos de participações do Facebook ganharam em 2014 um total de US$ 1,10 por título, frente aos US$ 0,60 obtidos de rendimentos em 2013.

Em dezembro, a maior rede social em número de pessoas alcançou 890 milhões de usuários diários ativos, o que significou um crescimento de 18% com relação ao mesmo mês de 2013. Com isso, a companhia dirigida por Mark Zuckerberg ficou mais perto do ambicioso objetivo de 1 bilhão de usuários no mundo todo.

Do total de usuários diários ativos, 745 milhões acessam a rede social a partir de celulares e tablets, o que representou um aumento de 34% com relação ao ano anterior.

Quanto aos resultados trimestrais, os que mais chamaram a atenção dos analistas em Wall Street hoje, o Facebook ganhou entre outubro e dezembro do ano passado US$ 701 milhões, 34% a mais do que os US$ 523 milhões obtidos nos últimos três meses de 2013.

Nesses três meses, os acionistas da rede social obtiveram lucro de US$ 0,25 por título, frente aos US$ 0,20 do mesmo período do ano anterior, enquanto a empresa faturou US$ 3,8 bilhões, 48,6% a mais do que os US$ 2,5 bilhões do último trimestre de 2013.

“Trabalhamos muito em 2014. Nossa comunidade continua crescendo e estamos avançando rumo ao nosso objetivo de conectar o mundo”, afirmou Mark Zuckerberg ao apresentar os resultados.

O Facebook voltou a apresentar, como já vem sendo habitual nos últimos trimestres, resultados especialmente bons em torno da publicidade em plataformas móveis, o ramo do negócio que experimenta maior crescimento.

No último trimestre do ano, a receita derivada da publicidade no aplicativo da rede social representou 69% do total das entradas por publicidade, 16% a mais do que no mesmo período de 2013.

Os bons resultados apresentados pela companhia, no entanto, não convenceram os investidores, e as ações do Facebook ficaram em US$ 74,01 por título nas operações eletrônicas posteriores ao fechamento dos mercados em Nova York.

Com informações da Agência Efe



Comentários Fechados